São João do Plenus vai doar quatro toneladas de alimentos aos artistas da região

Em um mês, foram arrecadadas quatro toneladas de alimentos que serão doados a mais de 200 famílias de artistas afetados pela pandemia da Covid -19. Este é o balanço do São João Solidário do Plenus Colégio e Curso, apresentado na noite desta sexta-feira (18), ao final da live ‘Arraiá Se Avexe Não’ que reuniu atrações de peso como Targino Gondim, Nilton Freitas, Fabiana Santiago, Elisson Castro e Ivan Greg.

O festejo junino antecipado, que foi transmitido pelo canal da escola no YouTube, começou com a alegria dos cenários coloridos e ao som de muito xote, xaxado e baião. Mesmo à distância, os familiares, alunos, amigos e corpo docente, aproveitaram a festança para matar a saudade das noites tradicionais de São João.

Segundo a diretora Pedagógica da escola, Sílvia Santos, os festejos deste ano tiveram que ser reinventados em função da pandemia. “Em vez de arrasta-pé, fogueira, fogos e quadrilhas juninas, que sempre marcaram nossas comemorações, optamos pela solidariedade e empatia com o outro através de drive-thrus, gincanas e competições envolvendo as turmas com a participação de familiares e amigos dos alunos. E o resultado é essa grande campanha que vem renovar a esperança, aquecer o coração e ajudar quem sempre nos alegrou com sua arte”, concluiu.

A entrega das cestas será feita no próximo dia 22 às associações dos artistas de acordo com as indicações do Movimento Transforma Petrolina.

Read More

Arraiá, doações e animação marcam live do projeto ‘Há que se cuidar da vida’

Zabumba, triângulo, sanfona e muito forró animaram a live do Plenus Júnior na manhã e tarde desta sexta-feira (18) em Petrolina – PE. O alegre arraiá marcou a culminância do projeto pedagógico ‘Há que se cuidar da vida’, que este ano, abordou vários temas: cuidado com alimentação, com o corpo e a mente e com o outro. Além da arrecadação de cestas básicas que serão doados a artistas da região.

Seguindo todas as medidas preventivas sanitárias contra o novo coronavírus, o São João antecipado, transmitido pelo Instagram @plenuspetrolina e apresentado pela coordenadora Infantil, Paula Miroró e a professora Manuela Duarte, fez uma reflexão emocionada sobre a tradição do São João, a partir dos versos do poeta Bráulio Bessa. A live foi recheada de apresentações com os pequeninos do Maternal ao 1° ano do Ensino Fundamental – anos iniciais, caracterizados de caipiras e sanfoneiros que encantaram a todos com coreografias ensaiadas com os seus professores.

Ainda durante a edição 2021 do projeto ‘Há que se cuidar da vida’, os alunos acompanharam a palestra de uma nutricionista, ensinando novas receitas para uma boa alimentação e para se ter cuidado com a mente em tempos de pandemia. Em seguida, um educador físico falou sobre a importância das atividades físicas para as crianças.

De acordo com a coordenadora Infantil, Paula Miroró, o projeto teve um resultado bastante favorável no envolvimento das turmas com o cuidado com o outro, com o corpo, com as emoções e com a alimentação. “Tivemos ainda um momento de muito amor, através de uma caixa de recados, onde eram feitas trocas de mensagens entre a familiares e a escola, além da doação de 132 cestas básicas que foram arrecadadas entres nossos alunos”, destacou.

Em outro momento, ao som da música Anunciação, de Alceu Valença, os alunos do 1º ano, mostraram os sinais de que dias melhores virão, com leveza e amor no coração, convidando os telespectadores para o arrasta pé. Eles também lembraram que este ano as fogueiras não vão clarear as noites de São João, nem os fogos vão ecoar no céu, mas independentemente das restrições que o momento impõe adotar, os alunos desejaram esperança. O evento também contou com a apresentação do pré-escolar, coreografando ‘Asa Branca’ de Luiz Gonzaga.

Em 2015, o projeto pedagógico ‘Há que se cuidar da vida’ recebeu da Câmara Municipal de Petrolina uma Moção de Aplausos através de decisão unânime dos vereadores. Em 2017, protagonizou um movimento pela preservação, defesa e revitalização do Rio São Francisco. No ano seguinte, o ‘Há que se cuidar da vida’ alertou sobre o desmatamento, pediu respeito à natureza e em 2020 fez a doação de cestas básicas no acampamento José Arnaldo, no projeto N4, em Petrolina.

Read More

Plenus antecipa São João promovendo live solidária dia 18 de junho

O Plenus Colégio e Curso vai antecipar as comemorações do São João deste ano, apresentando no próximo dia 18, uma live solidária com atrações de peso como Targino Gondim, Nilton Freitas, Fabiana Santiago, Elisson Castro, Ivan Greg e Jonathan Araújo.

A live, que será transmitida às 19h pelo canal do YouTube ‘plenuspetrolinaoficial’, promete ser uma noite de muito arrasta-pé e com a alegria das tradições juninas, além de arrecadar cestas básicas para os artistas da região atingidos pela pandemia do novo coronavírus.

De acordo com a diretora Pedagógica da escola, Sílvia Santos, o São João é uma das festas mais bonitas do calendário de eventos do Plenus. “Precisamos nos reinventar em função da pandemia e vamos oferecer aos familiares, alunos, amigos e corpo docente uma programação à distância, mas que vai renovar a esperança, aquecer o coração e ajudar quem sempre nos alegrou com sua arte”, ressaltou.

A diretora destacou ainda que em vez de fogueira, fogos e quadrilhas juninas, a live vai ter muito forró, xaxado e baião. “Apresentações virtuais, vistas de longe mas sentidas de muito perto pelo incentivo à solidariedade e empatia com o outro”, concluiu.

As doações das cestas básicas já podem ser feitas nas três unidades do Plenus, em Petrolina, que estão localizadas à Rua Aristarco Lopes, 593 – centro; Rua Barão do Rio Branco, 1106, centro e Rua do Cajueiro, 125 – Centro.

Read More

Live discute cultura do cancelamento e cyberbullying

“Cultura do cancelamento: uma nova face do cyberbullying ?” Esse foi o tema apresentado na noite dessa quinta-feira (27) pelo professor e psicanalista Christian Dunker, durante live promovida pelo Plenus Colégio e Curso.

 

No evento, que encerrou o projeto ‘Maio Azul’, de prevenção e enfrentamento ao bullying escolar, Dunker começou sua fala dizendo que as raízes da cultura do cancelamento são anteriores à internet, porém se consolidou como algo distinto justamente por ter o diferencial tecnológico. “Essa prática destrói reputações e cria mecanismos de extorsão social que provocam cada vez mais medo e hesitação, reduzindo a participação ativa em diálogos e debates”, ressaltou.

 

Com quase três décadas de clínica e uma larga experiência como professor da USP, Dunker formulou teorias sobre os sofrimentos advindos do excesso das redes sociais, principalmente entre o público adolescente, também trouxe à discussão questões como o ódio e a rivalidade concorrencial, além da propalada competição exacerbada do mundo contemporâneo.

 

Aberta pela diretora Pedagógica do Plenus, Sílvia Santos, a live de encerramento do ‘Maio Azul’ foi muito produtiva e rica de conteúdos. De acordo com o psicólogo e coordenador do SOE – Serviço de Orientação Educacional da escola, Bruno Ramos, o tema do programa em 2021 não poderia ter sido mais oportuno.

 

“Vivemos, hoje, uma realidade na qual a prática da ‘lacração’ é uma forma cruel de tentar silenciar o outro. No Maio Azul tivemos um mês inteiro de atividades com capacitações para os professores, grupos de trabalho incluindo alunos, familiares e corpo docente, palestras, além da grande participação de pais de alunos, respondendo aos questionários com desafios para avaliação do conhecimento acerca do bullying escolar”, concluiu.

Read More

Emoção e alegria marcam o Dia das Mães PLENUS

Uma homenagem completa de significados, emoções e muito afeto. Foi assim a comemoração do Dia das Mães dos alunos da Educação Infantil e do 1º ano do Colégio Plenus, durante toda esta sexta-feira (7) em Petrolina – PE.

Seguindo os protocolos das instituições oficiais de saúde, com o uso de máscaras, de álcool gel, distanciamento social, bloqueio de entrada de pessoas sintomáticas e higienização de brinquedos, objetos e ambientes, a festa e o clima de alegria começaram logo cedo com as turmas da manhã dando um verdadeiro show de beleza e arte.

Os alunos, que ensaiaram durante toda a semana em sala de aula, transformaram o aprendizado em verdadeiras lições de poesia, dança e música. Pela manhã ou à tarde, após as apresentações, os filhos enumeravam as principais características da mãe e entregavam o troféu ‘O Oscar’, em reconhecimento por ser a melhor mamãe do mundo. Agradecidas e muito contentes, muitas delas não seguraram as lágrimas.

De acordo com a funcionária pública e professora, Leila Soares Viegas, mãe do aluno Davi de 5 anos, a escola vem se superando a cada atividade. “Ficamos todas impressionadas com o nível de organização e planejamento. Fazer um evento desse porte com toda essa segurança e cuidados não é fácil. E o Plenus planeja e faz com beleza, emoção e excelência. Muito obrigada”, ressaltou.

A psicopedagoga e acompanhante terapêutica, Danielle Cristine, também agradeceu a homenagem. Mãe dos alunos Pedro Mariano e Giovanna Brito, ela lembrou a verdadeira mobilização que os filhos realizaram em casa durante a semana. “O amor nasceu na proposta e na escolha do evento, meu Pedro viveu cada instante dos ensaios, da escolha da roupinha que iria usar no evento à alegria de guardar o segredo com a irmã. Foi lindo de ver, sentir a felicidade de meu filho, eu chorei, me emocionei e me senti a mãe mais especial do mundo. Obrigada equipe Plenus por tanto carinho e parabéns por cada detalhe”, agradeceu.

A coordenadora da Educação Infantil e do 1º ano, Paula Miroró e a diretora Pedagógica do Plenus, Sílvia Santos, destacaram o desempenho e o entusiasmo dos alunos e garantiram para as mamães que a escola seguirá obedecendo os protocolos de saúde e realizando até o final do ano cada uma das atividades previstas no cronograma anual do Plenus.

Read More

Clube de Cinema do Plenus realiza primeiro encontro online do ano

Um bate-papo sobre produção de audiovisual, animação, curtas e longas-metragens foi o diferencial do primeiro encontro do ano do projeto ‘Clube de Cinema’ do Plenus Colégio e Curso.

Realizado no formato online, em obediência às medidas preventivas contra a Covid – 19, o encontro contou com a participação especial do gestor e produtor cultural de empreendimentos criativos, Rafael Buda. Com uma marcante atuação na área de audiovisual, Rafael falou da experiência na produção e gestão cultural, vivenciados em mais de 15 anos promovendo festivais, encontros e eventos a exemplo do Ponto de Cultura CUCA da UNE – Centro Universitário de Cultura e Arte da União Nacional dos Estudantes e a Mostra de Cinema da 3ª Conferência Nacional de Juventude.

No segundo momento, os alunos do 1º, 2º e 3º ano do Ensino Médio e sócios do Clube da escola fizeram um animado debate sobre o filme ‘Era uma vez no oeste’, um clássico western italiano de 1968 do cineasta Sérgio Leone. Sob o olhar atento do professor e coordenador do projeto, Genivaldo Nascimento, os alunos opinaram acerca da narrativa, enredo, fotografia e principalmente sobre a trilha sonora com músicas compostas pelo mestre Ennio Morricone.

Com opiniões diversas sobre a fotografia, seus planos abertos e o sentimento de cada cena, a única unanimidade do debate foi com relação à trilha sonora. Todos gostaram muito da forma como o diretor capta o som ambiente e o transforma em um elemento muito importante na narrativa e na construção dos personagens.

Segundo o aluno/sócio, Matheus Lopes, foi muito boa a participação do Rafael Buda, que trouxe conhecimento, experiência e tirou dúvidas sobre o conteúdo cinematográfico. A respeito do filme de Sergio Leone, Matheus destacou que foi uma experiência bem diferenciada do que ele costuma assistir normalmente. Ele gostou da construção dos personagens, do bom uso da câmara e principalmente da trilha sonora. “A música neste western ajuda a criar uma nova visão da obra. Acho importante o Plenus proporcionar esse tipo de vivência para os alunos”, ressaltou.

O ‘Clube de Cinema’ do Plenus existe há 12 anos e se reúne mensalmente através de sessões de repertório cultural e acadêmico com o objetivo de fazer os estudantes compreenderem melhor o universo da sétima arte, além de propor uma visão crítica e reflexiva. Idealizado pela professora Simone Ramos, ex-diretora da escola que faleceu em 2015, esse tipo de Clube de Cinema é único, nesta modalidade, em funcionamento permanente no Estado de Pernambuco.

Read More

Surpresas e descobertas marcam encontro de leitura em Petrolina

Compartilhar sensações, descobertas e o prazer pelos livros, esse é o objetivo dos clubes de leitura do Plenus Colégio e Curso. Para incentivar pequenos estudantes a desenvolverem e se aventurarem no rumo do conhecimento, a escola realizou na noite da última quarta-feira (28), o I Encontro Virtual 2021 do Clube de Leitura ‘Leia’.

Na abertura, a diretora Pedagógica da escola, Silvia Santos, parabenizou os alunos, com muito entusiasmo, pela participação em um projeto tão gratificante, em meio a tantos percalços causados pela pandemia da Covid -19. E, ainda, incentivou os amantes da leitura a incentivarem a prática da leitura.

“Acredito no potencial de cada um e tenho a certeza de que as muitas histórias lidas durante esse processo marcaram a trajetória de suas vidas”, afirmou Sílvia, que finalizou a participação, homenageando a memória da professora Simone Ramos, idealizadora dos clubes de leitura e de cinema do colégio.

Em seguida, a mediadora de leitura, Sueli Soares saudou a todos, com muita alegria e explanou a sua paixão pela profissão de bibliotecária. “Amo mediar a leitura, estar com os alunos, indicar livros e compartilhar ideias. Fico muito feliz que os alunos estejam participando do projeto ‘Leia’. Os estudantes estão com limitações no momento, com isolamento social, medida preventiva, contra o coronavírus e o livro leva a lugares que eles não podem ir”, ressaltou Sueli.

Ainda de modo virtual, o professor e coordenador do projeto, Genivaldo Nascimento, colocou os 34 estudantes do 6° ano ao 8° ano, através do Google Meet, em um só tom de voz, para realizarem o juramento. Logo em seguida, o coordenador foi surpreendido pelo estudante de Medicina, ex-aluno do Plenus e integrante do clube de leitura, Artur Silva Santana, com um depoimento especial.  Ele afirmou que o projeto foi uma das partes mais legal do colégio. E ainda destacou a leitura como uma ferramenta importante, pois provoca empatia, com o próximo.

Bastante emocionado, com a declaração inesperada, Genivaldo agradeceu a participação do ex-aluno e explicou que os encontros, que acontecem uma vez por mês, já debateram diversos livros escolhidos. Entre eles estão: O pequeno príncipe, Crepúsculo, Diário das Aventuras de Ellie, Quatro Contos. “Criamos um grupo no WhatsApp para compartilhar diversas experiências e indicações de livros, com os participantes do clube. Com isso, nos encontros virtuais, ampliamos a cada reunião realizada debates sobre o conteúdo de publicações dos mais variados tipos de temas.

Para o estudante do 7º ano B, Artur Siqueira Brito, 12 anos, desde o ano passado, o clube de leitura possibilita conhecer mais sobre a história, que as pessoas vivem, por exemplo, o livro “O amanhã não está à venda”, do autor Ailton Krenak, que aborda o colapso ambiental, propondo transformação. O livro destaca o surgimento de doenças, por isso o indiquei para os meus colegas, pois eles podem compreender o momento por que estamos passando, com a pandemia”, explica o leitor.

Nesta quinta – feira (29), também de forma online, será a vez dos sócios do Clube ‘Leia Mais’. O encontro vai reunir estudantes do 9º ano à 3ª série com depoimentos e indicações de livros.

Read More

Alunos do Plenus Petrolina se destacam no Enem 2020

Em evidência como uma das escolas que mais aprova no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), em Petrolina e região, o Plenus Colégio e Curso apresenta mais uma excelente performance no vestibular 2020.

Com um índice de aprovação de 85% e na liderança como a escola nove vezes campeã consecutiva em toda região, o Plenus, esse ano, além de emplacar um número elevado de alunos nos mais diversos cursos  universitários de todo País, garantiu os primeiros lugares em universidades tradicionais da região. São exemplos a conquista da aluna Larry Victória Coelho Lustosa, primeiro lugar em Medicina na UPE – Serra Talhada – PE; Ana Luiza Maia de Carvalho, primeiro lugar em Letras – UPE e David Ryan Santos Medeiros, que também obteve o primeiro lugar na Univasf.

Segundo a petrolinense de 17 anos, Larry Victória, não foi nada fácil a conquista. Eram inúmeras as questões emocionais e de conteúdos estudados. Ela afirma que se organizou muito e conciliou horários priorizando as disciplinas específicas do seu sonho. “Pretendo fazer a diferença em cada ano na universidade e lembrarei sempre com carinho do Plenus, que foi imprescindível para minha conquista e primordial pelo método de ensino, plantões, aulões e materiais que tive acesso”, pontuou.

Também petrolinense de 17 anos, David Ryan comemorou muito o resultado com a família e os amigos. Disse que ficou surpreso com o primeiro lugar mas que se preparou muito bem, inclusive com um esquema de estudos diferenciado durante a pandemia. “Ampliei para oito horas diárias o tempo dedicado ao vestibular e contei com o acompanhamento profissional e a dedicação de toda equipe do Plenus, este colégio que vem me preparando desde 2016 quando lá cheguei”. David também passou em Medicina na UPE de Serra Talhada e no momento espera o resultado do remanejamento com ansiedade e alegria, pois esse é o curso de sua preferência.

Após parabenizar os alunos vitoriosos, o professor e coordenador de pré-vestibular do Plenus, Nivaldo Moreira, destacou que as conquistas desse ano consolidam um trabalho que já vem repercutindo também em várias outras cidades de Pernambuco, Piauí e Bahia. “Esse ano além dos alunos de Petrolina e Juazeiro também ajudamos a preparar e foram vitoriosos no Enem feras de muitas outras cidades do País”, ressaltou.

Afirmando que agora o foco é na preparação para os feras 2021, Nivaldo Moreira adiantou que as aulas estão sendo oferecidas de forma presencial e remota, oferecendo aos alunos toda uma estrutura com simulados, acompanhamento, suportes extra sala de aula nas disciplinas mais trabalhosas, oficina de redação, “enfim, todas as ferramentas necessárias para uma caminhada vitoriosa rumo ao Enem 2021”, concluiu. 

Read More

O colégio Plenus reúne os escritores Pedro Bandeira e Fernando Carraro na abertura do projeto ‘Viva a Leitura’

De um lado, entusiasmados professores e emocionados escritores, do outro, pequenos leitores mergulhando cada vez mais fundo em um universo de múltiplos encantos. Foi num clima de muita alegria e celebração que o Plenus Junior realizou nesta quarta-feira (31), a abertura do projeto ‘Viva a Leitura’.

O encontro, que aconteceu através da plataforma de Aulas Remotas da escola, mobilizou os alunos do 2º ao 5º anos do Ensino Fundamental (Anos Iniciais), com as participações dos escritores Pedro Bandeira e Fernando Carraro. Autor de clássicos da literatura infanto-juvenil, a exemplo do livro ‘A Droga da Obediência’, Pedro Bandeira, que recebeu o Prêmio Jabuti, da Câmara Brasileira do Livro, em 1986, saudou os alunos do Plenus falando um pouco das aventuras, da emoção e do humor, presentes nas suas histórias.

Em seguida, a live de abertura do projeto deu lugar a apresentações artísticas, recital de poesia e performances engraçadas das professoras vivendo personagens bem conhecidos do mundo da literatura infanto-juvenil. Estiveram lá, dando o recado para as turmas animadas, a boneca Emília, a Dona Leitura, a Bailarina e as Borboletas.

O historiador, geógrafo, pedagogo e escritor com mais de 50 livros publicados, Fernando Carraro, falou da importância da Educação e agradeceu aos professores por descobrirem em seus livros preciosas sementes a serem plantadas no coração dos alunos. Após citar a opinião de escritores e personalidades renomadas em todo mundo sobre a importância da leitura, Fernando Carraro concluiu afirmando que um livro pode provocar transformações e que para ser um bom escritor, antes de tudo é preciso ser um grande leitor.

De acordo com a coordenadora do Ensino Fundamental Anos Iniciais da escola, Claudia Souza, o projeto vai acontecer durante a pandemia de forma diferente. “O aluno irá ler livros de acordo com sua faixa etária e após a leitura, irá produzir um vídeo e enviá-lo para o email da Biblioteca (biblioteca@plenuspetrolinape.com), acompanhado do fichamento, que deverá ser feito na folha padrão do projeto (disponível no site do colégio)”, ressaltou. O calendário das atividades será acompanhado pela bibliotecária do Plenus que apresentará um relatório quinzenal para a professora de Língua Portuguesa. A cada livro lido um coraçãozinho será afixado no cartaz na sala de aula com o nome do aluno leitor.

Ao final da live, a diretora Pedagógica do Plenus, Sílvia Santos, agradeceu aos escritores convidados, à equipe de professores, aos alunos e familiares. “Eu não tenho o hábito da leitura, eu tenho a paixão da leitura”. Esta é uma das maiores lições que o escritor Ariano Suassuna nos legou, e nós, professores do Plenus, buscamos colocar isso em prática todos os dias, e mais ainda, com os alunos do 2º ao 5º anos do Ensino Fundamental (Anos Iniciais), que serão os grandes leitores do futuro”, concluiu.

Read More
  • 1
  • 2